Nazareno – Brasil

    A IGREJA DO NAZARENO

A Igreja do Nazareno é a maior denominação na tradição Wesleyana de Santidade clássica. O que distingue a Igreja do Nazareno e outras denominações de linha Wesleyana da maioria das outras denominações cristãs é a doutrina da inteira santificação. Os nazarenos acreditam que Deus chama os cristãos para um viver santo, marcado por um ato purificador de Deus no coração do indivíduo, de modo que ele seja cheio do amor a Deus, produzindo o fruto do Espírito em sua vida.

Esta experiência é marcada pela inteira santificação do crente para fazer a vontade de Deus e é seguida por uma vida desejosa em servir a Deus através do serviço aos outros. Como a salvação, a inteira santificação é um ato da graça de Deus, não de obras. Nosso serviço em conformidade com Deus é um ato de amor pelo qual mostramos nosso apreço pela graça que foi estendida para nós através da morte e ressurreição de Jesus Cristo.

Continue lendo

Instituições Afiliadas

Missão

Revista Santidade

Encontre uma Igreja

Nosso Líderes 

Manuel Gamaliel Lima

-Diretor da Sub-Região Brasil
-Missionário Global
-Superintendente do Distrito Rio-Metropolitano
-Formado no STNB em 1983, bacharel em Teologia pela FATIN

Gerson Pinto Cardoso

-Coordenador de Estratégia de Área – Norte-Nordeste
-Superintendente do Distrito Nordeste Setentrional
-Pastor da Igreja do Nazareno Lagoa Nova, em Natal/RN
-Formado no STNB

Luis Henrique Biazon

-Coordenador de Estratégia de Área – Central
-Superintendente do Distrito Nordeste Paulista
-Pastor da Igreja do Nazareno Central de Rio Claro
-Formado no STNB

Wagner de Souza

direct

-Coordenador de Estratégia de Área – Sul
-Superintendente do Distrito São Paulo
-Pastor da Igreja do Nazareno Monte Calvário, em Paulínia/SP
-Formado no STNB em 1992, bacharel em Teologia pela FNB

ARTIGOS DE FÉ

A Igreja do Nazareno acredita na importância de uma liderança representativa e transitória.

Representativa, porque tratam-se de líderes eleitos em assembléias periódicas, ocasião em que também é avaliado o seu desempenho quando reconduzidos às suas funções.

Transitória, porque não acreditamos em lideranças absolutas e insubstituiveis. Todos os líderes da nossa denominação tem consciência da sua importância, mas também da sua certa substituição após determinado período, senão houver desejo da maioria pela sua recondução à função.

Honramos aos nossos líderes por acreditar que são instrumentos de Deus para conduzir nossa igreja conforme a Sua vontade. São homens e mulheres chamados por Deus para a função que exercem!